Radiologia Brasileira - Publicação Científica Oficial do Colégio Brasileiro de Radiologia

AMB - Associação Médica Brasileira CNA - Comissão Nacional de Acreditação
Idioma/Language: Português Inglês

Vol. 53 nº 2 - Mar. / Abr.  of 2020

ARTIGO DE REVISÃO
Print 

Page(s) 116 to 121



Ultrassonografia versus eletroneuromiografia para o diagnóstico da fasciculação na esclerose lateral amiotrófica: revisão sistemática e meta-análise

Autho(rs): Márcio Luís Duarte1,a; Wagner Iared1,b; Acary Souza Bulle Oliveira1,c; Lucas Ribeiro dos Santos2,d; Maria Stella Peccin1,e

PDF English

Texto em Português English Text

Descritores: Ultrassonografia; Eletroneuromiografia; Fasciculação; Esclerose lateral amiotrófica.

Keywords: Ultrasonography; Electromyography; Fasciculation; Amyotrophic lateral sclerosis.

Resumo:
O objetivo deste estudo foi determinar a acurácia diagnóstica da ultrassonografia e da eletroneuromiografia para o diagnóstico da fasciculação e comparar suas taxas de detecção. Foram realizadas buscas nas bases de dados eletrônicas Cochrane Library, MEDLINE, Embase e Lilacs, para estudos que avaliam a acurácia diagnóstica e as taxas de detecção da ultrassonografia e eletroneuromiografia. As ferramentas Quality Assessment of Diagnostic Accuracy Studies, versão 2, e RTI item bank foram utilizadas para avaliação da qualidade do método. A ultrassonografia, tanto de 10 s quanto de 30 s, apresentou taxa de detecção superior à eletroneuromiografia em todos os músculos avaliados. A avaliação da taxa de detecção por pacientes não apresentou diferença significativa entre a ultrassonografia de 10 s e 30 s. A acurácia da ultrassonografia de 10 s nos músculos foi de 70%, enquanto nos pacientes foi de 85%. Já na ultrassonografia de 30 s, a acurácia nos pacientes foi de 82%. A ultrassonografia apresentou taxas de detecção superiores à eletroneuromiografia, independentemente do tempo de sua avaliação e dos músculos avaliados.

Abstract:
The objective of this study was to determine the diagnostic accuracy of ultrasound and electromyography for the detection of fasciculation in patients with amyotrophic lateral sclerosis and to compare detection rates between the two methods. By searching the Cochrane Library, MEDLINE, Excerpta Medica, and Latin-American and Caribbean Health Sciences Literature databases, we identified studies evaluating the diagnostic accuracy and fasciculation detection rates of ultrasound and electromyography. The Quality Assessment of Diagnostic Accuracy Studies, version 2, and RTI item bank tools were used for the evaluation of methodological quality. Ultrasound, for 10 s or 30 s, had a higher detection rate than did electromyography in all muscles evaluated. The overall detection rate (in patients) did not differ significantly between ultrasound for 10 s and ultrasound for 30 s. The accuracy of ultrasound for 10 s was 70% in muscles and 85% in patients. The accuracy of ultrasound for 30 s was 82% in patients. Ultrasound provided detection rates superior to those achieved with electromyography, independent of the examination time and muscles evaluated.


 
RB RB RB
GN1© Copyright 2020 - All rights reserved to Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem
Av. Paulista, 37 - 7° andar - Conj. 71 - CEP 01311-902 - São Paulo - SP - Brazil - Phone: (11) 3372-4544 - Fax: (11) 3372-4554