Radiologia Brasileira - Publicação Científica Oficial do Colégio Brasileiro de Radiologia

AMB - Associação Médica Brasileira CNA - Comissão Nacional de Acreditação
Idioma/Language: Português Inglês

Vol. 36 nº 5 - Sep. / Oct.  of 2003

ORIGINAL ARTICLE
Print 

Page(s) 287 to 292

Factors influencing the density radiological pattern of the breast

Autho(rs): Rosa Nara Machado Figueira, Ângela Isabel dos Santos, Maria Emília Camargo, Hilton Augusto Koch

PDF Português

Texto em Português English Text

Keywords: Mammography, Breast radiography, Breast density

Descritores: Mamografia, Mama - radiografia, Densidade mamária

Abstract:
The density pattern of the breasts should be reported to the clinician in view of the possible difficulties in the diagnosis of mammary disease due to reduced sensitiveness and specificity in patients with dense breasts. OBJECTIVE: The aim of this paper was to correlate the different mammography density patterns with possibly modifying factors such as age, parity and body mass index. MATERIALS AND METHODS: Eight hundred and forty-nine women and their respective mammography examinations were evaluated in order to identify the density pattern of the breasts, age, parity and body mass index. Chi-square test, contingency coefficient and logistic regression were used for the statistical analysis. RESULTS: Most women were 36 to 55 years old. There was predominance of low density (73.7%) over high density (26.3%) patterns. Multiparity was observed in 69.8% of the women whereas 16.5% were nulliparous and 13.7% had only one child. The body mass index was normal in 53.3% of the women. Overweight was observed in 26.1% of the women, 9.5% were obese and 11.3% were below the ideal weight. CONCLUSION: Dense breast patterns were influenced by young age, nulliparity and reduced body mass index. Low density breast patterns were more frequent with increasing ages, number of children and body mass index.

Resumo:
O padrão de densidade mamográfica deve ser referido, com a finalidade de atentar o clínico para possíveis dificuldades no diagnóstico da afecção mamária, pois são conhecidas a menor sensibilidade e especificidade da mamografia em mamas densas. OBJETIVO: Correlacionar os diferentes padrões de densidade mamográfica com possíveis fatores que possam modificá-los, tais como idade, paridade e índice de massa corporal. MATERIAIS E MÉTODOS: Foram avaliados 849 mulheres e seus respectivos exames mamográficos, para identificação do padrão de densidade mamária, idade, paridade e índice de massa corporal. Realizou-se o teste do qui-quadrado, coeficiente de contingência e regressão logística. RESULTADOS: A maioria das mulheres situou-se na faixa etária dos 36 aos 55 anos. Houve predomínio dos padrões de baixa densidade (73,7%) sobre os de alta densidade (26,3%). Multiparidade foi encontrada em 69,8% da amostra, houve 16,5% de nulíparas e 13,7% com um filho. O índice de massa corporal foi normal em 53,3% das mulheres, 26,9% apresentaram sobrepeso, 9,5% eram obesas e 11,3% estavam abaixo do peso ideal. CONCLUSÃO: Os padrões densos foram influenciados pela idade jovem, nuliparidade e menor índice de massa corporal. Os padrões de baixa densidade aumentaram com a idade, o número de filhos e o índice de massa corporal.

Available only in Portuguese

 
RB RB RB
GN1© Copyright 2022 - All rights reserved to Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem
Av. Paulista, 37 - 7° andar - Conj. 71 - CEP 01311-902 - São Paulo - SP - Brazil - Phone: (11) 3372-4544 - Fax: (11) 3372-4554