Radiologia Brasileira - Publicação Científica Oficial do Colégio Brasileiro de Radiologia

AMB - Associação Médica Brasileira CNA - Comissão Nacional de Acreditação
Idioma/Language: Português Inglês

Vol. 39 nº 4 - July / Aug.  of 2006

ORIGINAL ARTICLE
Print 

Page(s) 283 to 286

Evaluation of inflammatory processes in temporomandibular joint employing technetium-99m-labelled autologous leukocytes in an animal model

Autho(rs): Cláudia Borges Brasileiro, Valbert Nascimento Cardoso, Bianca Ruckert, Tarcísio Passos Ribeiro de Campos

PDF Português

Texto em Português English Text

Keywords: Temporomandibular joint disorder, Arthritis, 99mTc-HMPAO

Descritores: Desordem temporomandibular, Artrite, 99mTc-HMPAO

Abstract:
OBJECTIVE: The present study was aimed at identifying temporomandibular joint inflammatory processes employing technetium-99m hexamethylpropylene amine oxime (99mTc-HMPAO)-labelled autonomous leukocytes. MATERIALS AND METHODS: We have utilized an experimental model of arthritis induction in ten adult male New Zealand rabbits by means of ovalbumin intra-articular injection into each left temporomandibular joint. For control purposes, saline solution was injected. After leukocytes radiolabelling with 99mTc-HMPAO and injection into rabbits, scintigraphic images were obtained. RESULTS: A higher 99mTcHMPAO-leukocytes uptake was observed in left temporomandibular joint in comparison with the contralateral joint. Wilcoxon non-parametric test was applied for statistical analysis. There was a statistically significant difference between counts of radioactivity per minute in the inflammed joint and the contralateral one (p = 0.0073). CONCLUSION: The method employing 99mTc-HMPAO-labelled autologous leukocytes allows an early and accurate detection of inflammatory processes, contributing to the adoption of a therapeutic conduct for patients before structural alterations have occurred.

Resumo:
OBJETIVO: O objetivo deste estudo foi identificar processos inflamatórios na articulação temporomandibular empregando leucócitos autólogos marcados com tecnécio-99m hexametilpropilenoaminooxima (99mTc-HMPAO). MATERIAIS E MÉTODOS: Foi utilizado um modelo experimental de indução de artrite na articulação temporomandibular de dez coelhos machos da raça Nova Zelândia, por meio da injeção intra-articular de ovalbumina na articulação temporomandibular esquerda de cada animal. Para controle, na articulação contralateral foi injetada solução salina. Após a marcação dos leucócitos com 99mTc-HMPAO e injeção endovenosa deste complexo nos coelhos, imagens cintilográficas foram obtidas. RESULTADOS: Observou-se captação aumentada dos 99mTc-HMPAO-leucócitos na articulação temporomandibular esquerda quando comparada à direita. A análise estatística foi realizada utilizando-se o teste não-paramétrico de Wilcoxon. Houve diferença estatisticamente significativa dos valores das contagens por minuto de radioatividade, relativos à articulação inflamada quando comparados aos valores obtidos na articulação contralateral (p = 0,0073). CONCLUSÃO: O método empregando leucócitos autólogos marcados com 99mTc-HMPAO é capaz de identificar focos inflamatórios de forma precoce e precisa, o que poderá contribuir na conduta terapêutica dos pacientes, antes que alterações estruturais sejam instaladas.

Available only in Portuguese

 
RB RB RB
GN1© Copyright 2022 - All rights reserved to Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem
Av. Paulista, 37 - 7° andar - Conj. 71 - CEP 01311-902 - São Paulo - SP - Brazil - Phone: (11) 3372-4544 - Fax: (11) 3372-4554