Radiologia Brasileira - Publicação Científica Oficial do Colégio Brasileiro de Radiologia

AMB - Associação Médica Brasileira CNA - Comissão Nacional de Acreditação
Idioma/Language: Português Inglês

Ahead of Print

Print 

Page(s) 1 to 8



Ressonância magnética dos nervos cranianos em doenças congênitas, traumáticas e vasculares: ensaio iconográfico

Autho(rs): Mariana Dalaqua1,a; Felipe Barjud Pereira do Nascimento2,b; Larissa Kaori Miura3,c; Fabiano Reis3,d; Márcio Ricardo Taveira Garcia4,e; Alcino Alves Barbosa Júnior2,f

PDF English

Texto em Português English Text

Descritores: Neuroimaging/methods; Radiology/methods; Magnetic resonance imaging/methods; Cranial nerves/diagnostic imaging.

Keywords: Neuroimagem/métodos; Radiologia/métodos; Ressonância magnética/métodos; Nervos cranianos/diagnóstico por imagem.

Resumo:
The cranial nerves, which represent extensions of the functional structures of the brain, traverse the head and neck. They are connected to various cranial structures and are associated with several diseases. An in-depth understanding of their complex anatomy and normal imaging appearance allows the examiner to identify and characterize abnormalities with greater precision. One important tool for evaluating the cranial nerves is contrast-enhanced magnetic resonance imaging, especially three-dimensional steady-state free precession sequences, which provide high soft-tissue and spatial resolution, despite the slenderness of the nerves. In most cases, imaging findings are nonspecific. Therefore, to narrow the differential diagnosis, it is necessary to take a full patient anamnesis, perform a focused physical examination and order laboratory tests. In this pictorial essay we review, illustrate and discuss, from a pathophysiological perspective, congenital, traumatic, and vascular diseases of the cranial nerves.

Abstract:
Os nervos cranianos representam extensões das estruturas funcionais do cérebro que cruzam a cabeça e o pescoço. Eles estão ligados a diferentes estruturas cranianas e se relacionam com diversas doenças. Uma compreensão profunda de sua complexa anatomia e aparência normal de imagem permite ao examinador identificar e caracterizar com mais precisão as anormalidades. A ressonância magnética com contraste é uma importante ferramenta para avaliar essas estruturas, especialmente as sequências tridimensionais de precessão livre de estado estacionário, que proporcionam alta resolução espacial e de partes moles, apesar da fina espessura dos nervos cranianos. Na maioria dos casos, os achados de imagem são inespecíficos, e uma anamnese completa, exame físico dirigido e testes laboratoriais são necessários para estreitar o diagnóstico diferencial. Este ensaio iconográfico ilustra e discute doenças congênitas, traumáticas e vasculares dos nervos cranianos, mostrando imagens em uma abordagem fisiopatológica.


 
RB RB RB
GN1© Copyright 2021 - All rights reserved to Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem
Av. Paulista, 37 - 7° andar - Conj. 71 - CEP 01311-902 - São Paulo - SP - Brazil - Phone: (11) 3372-4544 - Fax: (11) 3372-4554